Como pedir demissão sem fechar as portas

4 minutos para ler

Saber como pedir demissão de um trabalho não é uma tarefa muito fácil, porém, às vezes, é necessário. Seja por uma proposta melhor, um descontentamento ou até mesmo para buscar novos horizontes, existem milhares de motivações que podem levar a isso.

Independentemente de qual seja o motivo, é necessário ter alguns cuidados ao fazer a declaração. Afinal, ninguém sabe o dia de amanhã e fechar totalmente as portas em uma empresa não é uma boa opção.

Está passando pela situação ou acha que um dia vai passar? Então continue com a leitura e saiba como pedir demissão.

Estou tomando a decisão certa?

Pedir demissão é uma ação muito séria. Além da tensão de toda a circunstância, existe o medo de perder tudo aquilo que foi construído. Ninguém gosta de mexer em um time que está ganhando, não é mesmo? Por conta da seriedade da situação é muito importante se planejar.

Não é que você tenha que sentir medo, mas é preciso colocar todos os prós e contras na balança para ter 100% de certeza da decisão que está tomando. Só assim você vai conseguir refletir, pedir exoneração em um clima amigável e, de quebra, manter abertas as chances de voltar para o serviço.

Como pedir o desligamento do trabalho?

Depois de pensar bem sobre o assunto e tomar sua decisão com toda a certeza, é importante seguir alguns passos de como pedir demissão. A intenção é sair do mesmo jeito que entrou: de forma amistosa. Transparência, programação e estar aberto a propostas são algumas das dicas. Confira, a seguir, como fazer isso!

Avise com antecedência

Pela lei, você tem a obrigação de informar a empresa 30 dias antes de sair oficialmente. Caso contrário, pode ter que pagar uma multa. Isso acontece porque é direito do empregador pedir que você cumpra o aviso prévio. Fora as formalidades, é de bom tom informar com antecedência para que a pessoa consiga se programar e fazer um processo seletivo para encontrar outro funcionário.

Powered by Rock Convert

Converse direto com o chefe

Antes de sair anunciando a todos a sua saída, é importante informar primeiramente ao seu chefe. Coloque-se no lugar dele: você gostaria de saber por outros um assunto tão importante assim? Aposto que não! Tenha uma conversa clara e direta. Anuncie a decisão e, se perguntado, informe seus motivos.

Seja bem sincero, mas tome cuidado com as palavras. Não use esse momento para fazer críticas à empresa, à gestão dele ou sobre colegas de emprego. A atitude pode fechar as suas portas permanentemente no local.

Mantenha a mente aberta para as propostas

Geralmente quando o funcionário tem um empenho muito bom, a empresa faz um esforço para mantê-lo. Por isso, não deixe de escutar a proposta. Nesse quesito, é indispensável revisar aquelas causas que o levaram a pedir a demissão. Se está saindo por motivos de insatisfação ou mudanças de área, um aumento de salário não vai resolver o problema. Por isso, avalie a situação e tome a melhor decisão para você.

Formalize a demissão

Esse é um passo importante de se desligar de uma empresa. Assim que você conversar com o seu superior, faça uma carta de dispensa, peça a assinatura dele e guarde. O documento pode ser escrito a próprio punho ou no computador, mas não pode faltar:

  • nome completo;

  • data;

  • condições da demissão;

  • se vai ou não cumprir aviso prévio.

Não deixe o comprometimento de lado

Você pode pensar que porque pediu demissão não precisa cumprir com suas responsabilidades ativamente. Mas isso é um engano, principalmente se quer ter uma boa relação com a empresa. Mantenha seus compromissos, chegue no horário e tenha uma boa conduta, mesmo no aviso prévio. O mundo corporativo é pequeno e um dia pode precisar de recomendações.

Seguindo essas dicas de como pedir demissão você vai conseguir manter o relacionamento amistoso com a empresa e abrir oportunidades para futuros interesses. Cuidar da imagem profissional é sempre importante. Por isso, mantenha a ética, seja respeitoso com seus colegas e chefes e, assim, sempre terá as portas abertas para um retorno.

Gostou do conteúdo? Então leia também sobre como manter a motivação profissional antes de trocar de emprego.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-